Atirei o pau no gato – letra completa

A capa do disquinho em questão. Clicaqui que você ouve a cantiga!

A capa do disquinho em questão. Clicaqui que você ouve a cantiga!

Pra deixar vocês todos beges e passados: descobri um MP3 da Coleção Disquinho com cantigas de roda. Pelo jeitão, deve ter sido gravado no início da década de 1960.

Eis que o MP3 com a música Atirei o pau no gato traz uma segunda estrofe da cantiga de rodaaaaaa!!!

Tô begeeeeeeee!!!

Vamos à letra da musiquinha:

Atirei o pau no gato-to

Mas o gato-to não morreu-rreu-rreu

Dona Chica-ca

(A)dimirou-se-se

Do berrô, do berrô que o gato deu


Dona Chica foi à policia-cia

E a polícia-cia não prendeu-deu-deu

Dona Chica-ca

(A)dimirou-se-se

Do berrô, do berrô que o gato deu


Em tempo: a grafia correta não é adimirar, mas admirar.

Considerando-se que tampouco é possível encontrar nos dicionários da Língua Portuguesa registros do verbete berrô, ficamos assim, né?

Share


3 comentários sobre “Atirei o pau no gato – letra completa”

  1. Luis comentou:

    Meu Deus do céu, a Coleção Disquinho… Também tô besta, nunca tinha ouvido falar dessa segunda estrofe.

    Mudando de assunto: você já ouviu a história “A formiga e a neve”? Eu ouvi quando estava no pré-primário (era assim que se dizia naquele tempo) e fiquei tão impressionado que nunca mais esqueci. Lembro até hoje da aflição que eu senti. Dia desses me deparei com a coleção Disquinho em CD, e era justamente essa história.Fiquei impressionado de novo e pensando: como alguém conta uma história tão triste para uma criança?

  2. Ana Lucia comentou:

    A coleção Disquinho foi toda digitalizada, e está disponível, completa ou em discos avulsos!
    Eu já comprei quase toda!

  3. MARCITA comentou:

    Gostaria da coleção completa!..para trabalhar na escola……fui muito feliz em minha infância…não tenho recalques nenhum…Hoje o mundo é outro…a maldade impera!!

Deixe o seu comentário aqui!

Publicado com o WordPress