Da série “calo-me”

Preciso dizer marnada.

OK, digo sim: peguei essa tetéia no Facebook do Fernando Andreazi Neto. Kibada portuguesa: copio, colo cito a fonte e dou o link pro original!



2 comentários sobre “Da série “calo-me””

  1. Luiz Prata comentou:

    Pra ver como esse template é mesmo versátil, pensei num anúncio fictício para um mercado, digamos, alternativo. E, incrivelmente, funciona.

    “[Ser a n° 1 em vibradores no Brasil] não é para qualquer um.

    E, para oferecer as melhores soluções em [vibradores], contamos com [69] profissionais apaixonados por [brinquedos eróticos].

    Isso sem falar nos [vibradores texturizados de duas pontas com múltiplas velocidades], que revolucionaram o jeito de pensar o nosso negócio.

    Quer o melhor?
    Então conheça a [VibraSex].

    [VibraSex].
    [O melhor para o seu prazer]. Sempre.”

  2. Madrasta do Texto Ruim comentou:

    QUAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

Deixe o seu comentário aqui!

Publicado com o WordPress