/o\ Brasil, daqui há pouco, será cede da Copa do Mundo /o\

Gente, absurdo essa minha falta de tempo, viu?

Tô aqui com um mondi e-mail de ectoplasma amigo e não consigo postar!

Este aqui é do Megale, âncora das manhãs da BandNewsFM são Paulo (e rede) e personal galo de estimação 😉

O pobrezinho me passou este e-mail em junho, e fica parecendo que eu esnobei! claro que não, zifio! Esnobei, nada!

Daí que o galo de estimação dos ouvintes paulistanos da Band News FM recebeu por e-mail um daqueles releases maravilhosos que reproduzem opiniões [bocejo] de formadores [boceeeeeejo] de opinião. Este, em questão, trazia azidéia de uma especialista em tributos sobre a organização da copa do mundo de 2014 blablabla whiskas sachê blablabla.

O problema da tchutchuca é opinião de mais e ortografia e gramática de menos.

Será possível que ninguém avisou pra moça que o verbo haver só se usa pra falar de tempos passados, e pra se referir ao futuro a gente usa a preposição a? Ou seja: daqui a um mês ou mais, né, minha tia?!?!?!

E que diabos significa cediar? alguém por favor manda a dona economista de volta pra escola, pq ela tá pensando demais em tributos e de menos em ortografia?

Alguém, por exemplo, O ASSESSOR DE IMPRENSA QUE ENVIOU ESSE TEXTO SEM LER DIREITO E VER A BOSTA QUE APRONTOU?!?!!?

Porque dona tia não marcou touca sozinha, não marcou, não…

Taqueopa…



Um comentário sobre “/o\ Brasil, daqui há pouco, será cede da Copa do Mundo /o\”

  1. Mario Abramo comentou:

    Cara Madrasta,
    Lendo uns posts antigos seus (eu preciso, de vez em quando, pra desopilar o fígado), vi que vc embarcou inadvertidamente no causo do “erro do IBOPE”. Vi também que um comentarista tentou consertar a história, mas a explicação dele, embora correta, me pareceu pouco clara.
    Na verdade, o que existe é uma confusão entre número e a representação de um número. E o que vale pros números nem sempre valem para suas representações. Um espaço amostral tem que fechar em 100%? Ops, óbvio. Mas dependendo da forma de representar as porcentagens parciais pode fechar em torno de 100 sem problema algum de erro.
    Pegando, aproximadamente, os dados (tou falando de memória, ok?):
    39 +39 + 10 + 7 + 6 = 101 . Parece errado, né? Mas
    38,8 + 38,8 + 9,6 + 6,8 + 6,0 = 100,0. E se eu arredondo (da forma correta, pra cima se for acima ou igual a cinco de 5, pra baixo se for menor que 5)
    39 + 39 + 10 + 7 + 6 = 100. Se vc tem uma planilha de cálculo (Excel, Quattro Pro, BrOffice Spreadsheet) pode verificar. No MatLab dá tb, mas fica mais difícil.
    Essa coisa da representação é meio enganadora pra quem não é da área. Uma curiosidade: 1/3 é representado como 0,333… E se a gente multiplicar 0,333… obtém 0,999… Por outro lado, se multiplicarmos 1/3 por três temos 3/3 que é igual a 1. Portanto, 1 = 0,999… (e isso é fato). CQD, foi sem querer.

Deixe o seu comentário aqui!

Publicado com o WordPress