O lugar-comum doce e aromatizado artificialmente

Tem vezes que eu sou sinistra que nem a irmã Selma, da Terça Insana. Eu rezo pra acontecer uma coisa – e ela acontece.

Estava esta semana mesmo me lembrando do genial Business Bingo, joguinho lançado pela Turma do Casseta, e pensei num único texto que reunisse o todo-todo do lugar-comum. Aquelas palavrinhas batiiiiidas que de tanto aparecerem em outros textos dão a impressão de que fazem parte de uma linha de produção.

E não é que esse texto me chegou de presente de grego agora por e-mail? E não foi um texto, foram dois! Num intervalo de duas horas!!! Afe Maria, irmã Selma baixou legal aqui! Juro que não foi obra do meu caldeirão!!

Vejamos neste post o primeiro texto. O e-mail já se anuncia tenebroso no assunto: inovações em sticks. Olha só a teteia (essa teteia vai sem acento, de tão lugar-comum que é…). Mas vamos acompanhar a tchutchuca:

Tal, a marca líder em inovação [hmmm… Tem alguém aí que não seja líder em inovação? Aliás, como se faz pra ser líder em inovação? Quem atesta a liderança em inovação? Quais os parâmetros? Ah, tem nada disso, não? É só frescura? Então, meu filho, fez-se a bosta!] no mercado brasileiro de balas, traz uma série de novidades em embalagens stick. O objetivo da empresa com os lançamentos é ampliar ainda mais a comercialização desse tipo de produto [e poderia haver outro motivo para o lançamento que não o de ganhar mercado, vender mais, ter mais lucro e tornar-se o principal integrante desse segmento?] , que hoje representa cerca de 50% das vendas da empresa Tal (detentora da marca Tal) no País.
Uma das grandes novidades é o XXX Rainbow, um stick colorido inovador
[stick colorido inovador? E isso é de comer, mesmo? Jura?] onde [mas esse troço é um produto ou um lugar?] os sabores das balas estão ordenados de acordo com as cores da embalagem [quem vai gostar disso é o Adrian Monk]. Desta forma, o consumidor consegue identificar a posição exata de todos os sete sabores inclusos no produto – melancia, acerola, laranja, frutas vermelhas, uva, abacaxi e morango [sei, sei… trata-se, portanto, de um confeito segmentado para pessoas que sofrem de Transtorno Obsessivo-Compulsivo – o famoso TOC. Enfim, balas para os Adrian Monk da vida].
 
O XXX Rainbow chega para agradar os consumidores loucos por balas com sabores frutais
[se a razão de existir de um novo produto não é a de agradar consumidores de forma a gerar lucro para a empresa fabricante, gostaria de saber qual é], um mercado que hoje representam [o mercado representaM? Cristorreimesalva…] cerca de 54% do valor de vendas do mercado [o mercado representa 54% do mercado? GGGAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHHHHHHHH!!!!!!!!!!!] de DPC (drops, pastilhas e caramelos) – Fonte:Nielsen – como um todo [o mercado representa 54% do mercado como um todo?!?!!? Cara, ele conseguiu fazer três bostas numa única frase!!! Isso é que é inovação…].
Segundo a gerente de marca Tal balas,
[aaaaiiii… eu sofro por antecipação com citações do queridocliente…] em pouco mais de um mês de comercialização, o novo XXX Rainbow já é um grande sucesso junto aos consumidores. “Em abril, quando fizemos o lançamento, o produto figurou na terceira colocação no ranking de vendas de sticks no Brasil”, completa. [ufa! Então, eu posso respirar aliviada. Dona gerente não falou amebices, como aquela outra que disse que o carro que ela lançava estava baseado num tripé, lembra?]
(…)

Combinação Brasileira
A outra novidade da Marca Tal em sua linha de embalagens stick é o novo XXX Guaraná Orange, que traz para o mercado
[esse texto é uma trazeção só, né? Como eles trazem tralha coisa pro mercado, credocruz…] de balas brasileiro um inédito sabor [aaaaaaaaaaaaaaaiiiiii…. inédito sabor? Quecoisahorrorosa!] que oferece a refrescância única do guaraná, com o toque cítrico da laranja, uma combinação de refrigerante com fruta que já faz muito sucesso no Brasil [iiiiiirrrrrccccccccccc!!! Se a bala é gostosa, eu não sei. O texto é pééééééééssimo!].
 
Um grande diferencial
[dufffff! Grande diferencial! Por que eu ainda não desenvolvi um sal de frutas anti-texto ruim?]  deste novo stick é a inclusão de um aroma inovador [inclusão de um aroma inovador? Masquebostadetexto!!!!] em sua formulação, que torna o sabor da bala muito mais próximo do refrigerante, incluindo até mesmo [Nossa! que inovador, não? É uma inclusão que inclui até mesmo…]  a sensação do gás presente na bebida. “Para o consumidor é como se estivesse realmente bebendo guaraná com laranja”, completa. [é verdade… você ingere um troço artificial e doce, que pode te dar cáries. Igualzinho! E o pior é que a dona gerente completou lá em cima e completou aqui embaixo de novo!]
(…)

 Será que eu consigo melhorar essa bagaça?

Tal, a marca líder do mercado brasileiro de balas, traz uma série de novidades em embalagens tipo stick. O objetivo da empresa com os lançamentos é ampliar ainda mais a comercialização desse tipo de produto, posto que hoje esse segmento representa cerca de 50% das vendas da empresa Tal (detentora da marca Tal) no País.
Uma das grandes novidades é o XXX Rainbow, que dispõe as balas na embalagem por ordem de cores. Cada cor representa um sabor diferente. Com isso, o consumidor consegue identificar a posição exata de todos os sete sabores do produto – melancia, acerola, laranja, frutas vermelhas, uva, abacaxi e morango.  
 
O XXX Rainbow chega para participar de um segmento que atualmente equivale a cerca de 54% do valor de vendas do mercado de DPC (drops, pastilhas e caramelos) (Fonte:Nielsen).
Segundo a gerente de marca Tal balas, o novo produto está há pouco mais de um mês nas prateleiras e já é um sucesso. “Em abril, quando fizemos o lançamento, ele figurou na terceira colocação no ranking de vendas de sticks no Brasil”.(…)

Combinação Brasileira
A outra novidade de Mentos em sua linha de embalagens stick é o novo XXX Guaraná Orange, com o sabor da refrescância única do guaraná e o toque cítrico da laranja.
 
O aroma do novo stick da marca Tal torna o sabor da bala muito mais próximo do refrigerante. Dá até pra ter a sensação do gás presente na bebida. “Para o consumidor é como se estivesse realmente bebendo guaraná com laranja”. (…)

Foi o que deu pra fazer… acho que nessas horas, nem se a irmã Selma rezar esse texto fica melhor… e olha que quando ela reza, acontece!

Deixe o seu comentário aqui!

Publicado com o WordPress